Páginas

terça-feira, 12 de março de 2013

Para que serve a Polícia?

Infelizmente hoje, ao atender uma vítima, tive que ouvir esse tipo de questionamento.

E não foi por dúvida quanto à funcionalidade, foi uma crítica.
Argumentei brevemente, já que não faz parte da minha personalidade discutir com pessoas que claramente não entenderão e não saberão argumentar.

Então, no resto do dia, fiquei pensando nas tantas respostas que poderia dar.
Poderia dizer sobre como a Polícia serve pra atender todas as pessoas, até aquelas que não fazem questão de serem ajudadas.

Sim, algumas não querem ser ajudadas. Isso fica claro na falta de vontade em auxiliar, em comparecer na Delegacia para dar mais detalhes e na própria falta de crença no nosso trabalho.

Poderia dizer, também, que a Polícia serve pra seguir trabalhando, buscando os objetos subtraídos e avisar para esta mesma pessoa que me fez o questionamento que eles foram encontrados e que ela pode ir buscá-los, mesmo correndo o risco de não ouvir sequer um muito obrigado. Tavez, estejamos sujeitos a escutar uma crítica pela demora ou pela recuperação apenas parcial do bem.
Serve para erguer a cabeça e continuar trabalhando quando uma investigação desgastante e demorada é ignorada pelo Judiciário, colocando em liberdade indivíduos que não mereciam, questionando evidências e até mesmo comportamentos de agentes em qualquer situação. Tudo é questionado.

Serve para trabalhar mesmo sem os equipamentos necessários, sem bons veículos, sem uma estrutura decente, sem colegas suficientes e mesmo assim, dar o máximo de si, buscando sempre realizar um bom trabalho.
Serve para ser criticado acertando, errando ou se abstendo de agir.

Serve para, mesmo ganhando pouco, tirar dinheiro do próprio bolso para realizar um bom trabalho.
Serve para arriscar a vida todos os dias, durante vinte, trinta anos, por todas as pessoas, inclusive as que criticam a instituição.

Serve para ser chamada, mesmo em horário de folga, para atender a quem necessita.

Como dizia um professor de Academia: "Na hora do desespero, as pessoas invocam Deus e chamam a Polícia. Quando o desespero passa, elas agradecem a Deus e praguejam a Polícia".

Invariavelmente é assim.

Na cabeça de alguns, a Polícia é a grande responsável por extinguir e estirpar todas as mazelas da sociedade.

Estas pessoas se esquecem que a Polícia é apenas um braço armado do Estado onde recaem todas as responsabilidades pelas falhas das demais Instituções.
Enfim, a Polícia serve para essas e outras tantas coisas.

Para além dessas, quando precisares e não confiar na Polícia, infelizmente só resta uma alternativa: chamar o Batman!

6 comentários:

  1. Gostei do texto. Vejo também que a maioria das pessoas não entende quais são os objetivos de cada Polícia. Elas acreditam que a Polícia Civil existe para impedir que crimes aconteçam, esse não é seu objetivo imediato. A Polícia Civil existe para reprimir e não prevenir. Ou pior, algumas pessoas ainda acham que a delegacia serve como depósito de ocorrência e que esses registros não fazem efeito, na realidade, é imprescindível a Polícia Civil conhecer os crimes que estão ocorrendo para ser eficiente.

    Costumo dizer que as ações da Polícia Civil visam agir na "cabeça" do criminoso, ou seja, com as nossas prisões, eles vão pensar duas vezes se vale a pena cometer o crime e ir para a prisão (no momento da preparação). E claro, existe a Polícia Militar, que visa desmotivar e impedir o criminoso no ato do crime (para isso, farda).

    No entanto, as pessoas não devem ser "reféns" do Estado. Em nenhum lugar do mundo existe um policial em cada esquina ou um policial por pessoa. Se fosse assim, não haveria segurança privada. Ligar para o 190 não garante que alguém deixe de ser vítima. As pessoas devem agir sempre de maneira preventiva, e, se não funcionar, ter condições de reagir. Armas nas mãos das pessoas de bem e tiros certeiros disparados contra seus agressores são mais rápidos que uma viatura da Polícia Militar tentando chegar ao local certo. E que, em geral, são carros muito lentos. Aqui no Rio, a PM usa veículos, pasmém, com motor 1,6-litro aspirado. Ridículo.

    Enfim, não devem depender nem da Polícia nem de algum super-herói de mentira. Devem ser responsáveis pela sua própria proteção, portando armas. Lembremos: há lugares em que simplesmente não há Policiais Militares suficientes, logo, não é questão de confiar ou não confiar, é questão de não ter disponível. Ou, mesmo quando eles existem, podem estar ocupados com outros chamados. O que é muito comum.

    Papa Charlie

    ResponderExcluir
  2. Muito bommmmm o texto Luiz!!! Grande abraço a todos!!!

    ResponderExcluir
  3. Na hora do sufoco, a polícia é a primeira coisa a ser chamada.

    Depois todos esquecem. Complicado realmente !

    Fique firme e bom trabalho.

    Abraços.

    ResponderExcluir
  4. É o que eu digo: não gosta da Polícia? Chama o BATMAN, antes que te ROBIN...

    ResponderExcluir
  5. - policia : mercadoria de luxo para governos, pois o custo é alto,mas, só serve para ser segurança de ricos, aos pobres , bala......
    - policia fica próximo a shopping (nas ruas próximas, os ladrões agem a vontade...), vai ficar na favela e em bairros dos menos abastados fazendo ronda e segurança...
    - minha mãe (idosa) teve a casa invadida por ladrão ás 03:00hs da madrugada e foi ao posto policial (que fica na esquina bem próximo da casa dela) para pedir providencias e socorro, a resposta do policial de plantão foi: minha senhora, não atendemos este tipo de ocorrencia, só acidentes de transito !!!!!!
    - moro num bairro comercial/residencial de classe média, tem muita briga de "jovens", fica tudo por isso mesmo.....
    - também não temos lei neste país, a lei é para o pobre (mas aquele bem pobre mesmo quase morador de rua), porque para aquele que tem um pouquinho só... a lei não existe, então a policia não pode fazer nada...
    - estou com um problema e já pedi várias orientações ao 190!!! - nenhuma orientação " bateu/coincidiu"- cada orientador/policial deu uma resposta diferente... e aí corro prá onde.......faço o que ?????????

    ResponderExcluir