Páginas

segunda-feira, 1 de abril de 2013

Desligando-se no feriado

Retorno após um bom feriadão.

Trabalhei até o meio dia de quinta-feira e só retornei hoje pela manhã.
Nesse período, me desligo completamente do serviço.

Afinal, não estou de sobreaviso e minha saída da cidade foi comunicada.
Até tenho curiosidade sobre o que acontece na cidade nesse intervalo, mas me contento em saber apenas ao chegar para trabalhar novamente.

Alguns colegas não conseguem se desligar do trabalho nem estando de férias e isso deve ser bem complicado.
Por enquanto, separo bem as coisas.

Hoje, o dia foi (e está sendo) muito chuvoso.
Estou sem meu parceiro, que está descontado.

Não restou muito a fazer.
Liguei para algumas vítimas para que comparecessem na Delegacia.

Consegui contato com algumas, outras não.
Aproveitei para organizar os procedimentos que estão em minha carga.

Outra coisa tem tomado meu tempo: a data de entrada em exercício.
Tomamos posse no dia 19 de setembro do ano passado e ficou acordado que mesmo quem se apresentasse no dia 21 de setembro, teria seu exercício a contar do dia 19, para não ficar em desvantagem com quem se apresentaria em Porto Alegre no mesmo dia.

Ressalte-se que dia 20 de setembro era feriado.
Vários colegas conseguiram essa mudança em suas fichas funcionais.

Eu e mais alguns colegas ainda não.
Já fizemos requerimento e encaminhamos ao DP-DAP para que seja feita a mudança.

Agora é esperar.

11 comentários:

  1. Luiz, bom assunto para abordar com mais abrangência no blog, a questão da vida profissional e vida pessoal de um Policial, com suas experiências do dia-a-dia, claro, se for do seu interesse.

    Há quem diga que é possível separar essas "vidas", mas a verdade é: isso é completamente impossível! Pois não vivemos "uma vida pessoal" e outra vida como profissional; temos uma vida somente! Uma questão pessoal pode influenciar uma decisão profissional, assim como, algo que aconteça durante o serviço pode tornar-se deveras pessoal. Cada "vida" é indissociável da outra. E não falo apenas do Policial, óbvio. Todavia, no caso do Policial, isso se mostra ainda mais presente. Porquanto somos Policiais 24 horas por dia, todos os dias!

    Foram incontáveis as vezes que precisei identificar-me como Policial fora do horário de serviço, inclusive, com esposa e filhos. E já tive de efetuar uma prisão em flagrante durante as férias e perdi um dia de diversão com a família.

    Pelo que entendi lendo seu blog, duvido que você tenha deixado sua arma e distintivo em casa para divertir-se. E pelo seu relato, teve sorte! Porque ninguém ligou para seu celular perguntando qualquer coisa referente ao trabalho. Abraço!

    Papa Charlie

    ResponderExcluir
  2. Boa Tarde, Luiz!
    Gostaria de tirar uma dúvida com você referente ao concurso da pc-sp,eu estou na 2 º do certame e fico com uma coisa na minha cabeça ,pois eu termino minha faculdade final do ano e estou "com medo" de ser desclassificado por causa disso.Mas até acabar todos os procedimento inclusive a acadepol eu irei ter concluído o 3º grau.
    Ou seja ,antes de acabar a acadepol que provavelmente deve começa para final do ano , eu irei ter terminado a facul.
    Irei fazer o 2 º fase ( prova escrita) dia 07/04/2013.
    O que você acha ?
    Respeitosamente
    Darlan

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Darlan, eu também sou do Rio e estava nesse concurso, estava porque infelizmente fiquei em lógica (apenas uma questão, tirei 70 pontos, ficaria na 456ª posição...) Foda saber que bastou ter acertado 50% de cada disciplina que conseguiu passar pra segunda fase. Sei que isso aconteceu com muuita gente (ter ficado em apenas uma questão...)
      Ao menos sei que vai ter concurso pra oficial de cartório e papiloscopista no Rio e só cobram português, direito e informática... nada de absurdo como lógica com nível de faculdade de exatas e criminologia inútil...
      Enfim, desnecessária sua pergunta. Basta ler o edital, né... os documentos como diploma, CNH devem ser apresentados na inscrição do curso de formação.. se você não tiver esses documentos nessa data, aí você tá fora do concurso... é isso..
      Boa sorte!

      Excluir
    2. DarlanRJ, não sou o Luiz mas vou responder essa questão, estou no certame para inspetor aqui do RJ e já estamos na fase de matrícula para a ACADEPOL.
      Eu ainda não fiz minha matrícula, só irei fazer na próxima segunda-feira, mas os colegas que já fizeram falaram que quem ainda não tem o diploma, deve apresentar uma declaração da escola, constando o período em que está e a data provável da conclusão do curso (que aqui no caso, tem que ser até o final desse ano, pois é quando acabará a ACADEPOL.

      A bem da verdade, diploma (ou certificado de conclusão caso ainda não tenha o diploma em mãos) e CNH, só podem ser exigidas no momento da posse, portanto agora na matrícula aceitam a declaração.

      Isso é aqui no RJ, acredito que não seja diferente aí em SP, tem muita gente aqui no RJ que só irá se formar final deste ano e isso não está sendo impeditivo para a matrícula no curso (desde que seja apresentada a declaração dizendo que o candidato estará formado final do ano).

      Boa sorte aí no concurso.

      Luiz, agora é contigo, realmente não sei como consegue separar vida profissional da pessoal, eu já estou acostumado a uma atrapalhar a outra (ajudam-se raramente, kkkkk), pois trabalho em casa aí já viu né. Neste momento, são 1:45 da manhã, eu coloquei minha filha para dormir e vim para o PC trabalhar, kkkkkk.

      Abração parceiro, agora falta menos do que faltava antes.
      Fábio D.

      Excluir
    3. Isso aí, Fábio! Está chegando a hora da verdade! Vê se não vai desistir, hein! rsrs Brincadeira! Com certeza você e os demais alunos vão gostar muito da ACADEPOL, será uma experiência marcante na vida de vocês. Eu só tenho uma ressalva a fazer, pois em um detalhe que é muito importante a ACADEPOL está aquém do esperado, infelizmente. É logo na questão que eu sempre bato na tecla: defesa pessoal.

      No curso de formação de Inspetor de Polícia 6ª classe, vocês terão aulas de Defesa Pessoal Policial, porém, muitas das técnicas que serão ensinadas não são eficazes! Gostaria que fosse diferente, mas a realidade é essa, e claro, o resultado de técnicas de defesa pessoal que não funcionam é desastroso! Eu conheço bem um dos novos professores que será responsável por essa disciplina (e de Técnicas Operacionais também), ele foi capacitado há pouco tempo e será a primeira experiência dele como instrutor; é o Inspetor de Polícia T. A.. É um excelente Policial operacional, com mais de 25 anos de Polícia, 10 anos na CORE. Ele e sua equipe já colocaram muitos vagabundos pra correr, e claro, vários debaixo da terra. Vocês terão uma excelente fonte de experiência com ele.

      Eu faço essa crítica porque conheço essas técnicas de DPP e, de fato, muitas não funcionam na vida real, porque estão ultrapassadas, tem origem de esportes; o que é um equívoco, porque na rua, a gente não está competindo, não existe um árbitro que vai parar a luta. Na rua, a gente tem de vencer ou vencer; se não vencer, morre! A título de curiosidade, quando a ACADEPOL foi fazer a seleção de instrutores que vão lecionar nesse curso, nessa disciplina DPP, a exigência foi: ser faixa-preta em alguma arte marcial (o Inspetor T. A. é faixa-preta em jiu-jitsu). Para leigos pode parecer confuso, mas arte marcial não tem nada a ver com defesa pessoal. Primeiro que o conceito está errado, porque marcial é de guerra e ninguém vai pra guerra desarmado, rsrs e arte marcial é esporte, luta de duas pessoas do mesmo peso, com regras. Defesa pessoal não tem regra, porque é na rua!

      Agora, a minha dica especial. Existe um sistema de defesa pessoal chamado Kombato que, sem cometer excesso, é o melhor sistema de defesa pessoal que existe. É um sistema criado no Brasil, por um brasileiro para a nossa realidade. Desenvolvido primeiro como combate militar brasileiro, tornou-se comum entre as forças especiais militares, está presente em todas as três forças, na Polícia e na segurança privada, principalmente, na pessoal. Enfim, a própria Polícia Civil do RJ já contratou essa empresa (Kombato também é o nome da empresa) para lecionar combate com faca e desarme de arma de fogo no último Curso de Operações Aéreas (CORE). E além de organizações, há aulas regulares para civis, logo, eu recomendo fortemente que você procure alguma academia pra treinar, fazer cursos.

      Site: kombato.org.

      Vídeo do curso na PCERJ e homenagem:

      http://www.dailymotion.com/video/xgtdxz_core_lifestyle

      http://blog.kombato.org/2011/08/homenagem-do-core-ao-kombato.html (o editor escreveu "do CORE, mas é "da CORE".

      Para o Luiz: acredito que o Kombato, no RS, só esteja presente em Porto Alegre.

      Papa Charlie

      Excluir
    4. Olá Papa Charlie!
      Você fez esse curso?
      Abraço

      Excluir
    5. Olá! Esse do vídeo, não. Mas tenho no meu currículo o CAT (Curso de Ações Táticas) também realizado pela CORE, fiz há muitos anos.

      Abraço!

      Papa Charlie

      Excluir
  3. Obrigado Fábio !
    Nisso que eu acredito também ,eu tenho que acabar a faculdade antes de acabar o curso da acadepol.
    O anônimo falou que eu não li o edital.Está enganado ,por isso mesmo que eu fiquei com isso na cabeça ,pois no edital consta que tem 5 dias depois do teste físico (se aprovado ) para entregar os documentos.
    Mas , Obrigado mesmo assim e boa sorte na próxima.
    Obrigado mais uma vez Fábio .
    Forte abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então, Darlan. Se tá no edital essa obrigatoriedade de prazo e o edital é 'a lei do concurso', então, se você não entregar os documentos nesse prazo, já era... E não entendi porque veio perguntar isso pro dono desse blog. O dono do blog é policial civil do RS, bem longe de SP... e o cara do Rio veio com uma boa vontade, mas ele está no RJ, não em SP, ou seja, o que tá acontecendo no concurso de inspetor do RJ não se aplica no concurso de investigador de SP né... cada concurso é um concurso, tem muitas especificidades... tipos de provas, matéria, ordem das avaliações, exigências, como a administração dirige o concurso... os prazos... uma dica minha, pro concursos da polícia civil de sp é sempre acessar o blog do curso goe - claretiano... eles não apenas organizam cursos pros concursos da pc sp, como tambem colocam várias informações no blog.. correções de provas, recursos, datas das avaliações, enfim.. tudo sobre os concursos da policia civil de sp...

      Excluir
  4. Amigos, isso que o Fábio falou é uma exceção do estado do Rio, porque em SP, são exigências pra fazer o curso de formação o ensino superior e cnh. Está na lei complementar da Polícia de SP. Ter ensino superior não é só pra tomar posse, é pro curso pra virar polícia... é como se fosse uma pós-graduação em que exige-se faculdade... e a cnh porque durante o curso vai ter de conduzir viatura... entenderam? abraçao...

    ResponderExcluir
  5. ai, luiz.. sei que nao tem nada a ver com o post, mas diz ai como se preparou para o concurso... pra prova de conhecimentos, prova fisica e se teve algum preparo pro teste psicológico que é tao temido... fez algum curso prepatório?? e so fazia academia normalmente ou fez alguns treinos específicos?

    depois que conheci seu blog, fui pesquisar um pouco sobre os concurso da policia civil do seu estado e vi que ela tem várias peculiaridades... tanto na prova de conhecimentos tanto na prova fisica... não me lembro exatamente agora.. mas a prova de conhecimentos tinha algo sobre atualidades e outra coisa diferente de outros concurso tambem.. por ai.. enfim.. como foi? e na parte fisica.. lembro de ter visto dois testes incomuns... de medir força da pegada e flexiblidade.. porque normalmente é so corrida, flexao, abdominal...

    e o pessoal acima falando sobre os concursos do rj e sp.. fazendo um pequeno comparativo... é bem diferente mesmo.. no rio é apenas uma prova de conhecimentos de multipla escolha que tem apenas portugues, direito (bastante coisa... nivel elevado) e informática... ja em sp tem outras duas materias alem da citadas, logica e criminologia... e a parte de direito é super básica... e tem prova escrita.. com cinco questoes.. nos cursos anteriores tinha redaçao, nesses que tao acontecendo aogra, nao... e antigamente em sp era tipo vestibular.. tinha matematica, geografia, historia...

    ResponderExcluir